segunda-feira, 8 de Junho de 2009

Texto de teatro

Olá amigos! Na nossa turma, decidimos fazer um texto de teatro para apresentar na festa final de ano. No primeiro dia organizámos os grupos, escolhemos o tema, que foi a poluição, as personagens (esquilo, veado, cegonha, raposa, e o elefante), o local e por fim escrevemos o texto de teatro sem a ajuda da nossa professora, foi mesmo um desafio! No outro dia, lemos alguns textos de teatro dados pela nossa professora e registámos, numa ficha de trabalho, alguns dados mais importantes. A seguir lemos um texto projectado com as características dos textos de teatro, registámos algumas ideias importantes no quadro e descobrimos as profissões relacionadas com o teatro e como é que os actores ou as pessoas que lá trabalham se preparam. Por exemplo: o ponto é a pessoa que ajuda os actores que se esquecem das falas. Depois construimos a planificação dos textos de teatro com algumas ideias do primeiro texto e outras novas. E de seguida, voltámos a escrever um texto de teatro novo com as ideias da planificação. Quando acabámos de escrever, tirámos um papelinho que dizia os números, servia para sabermos quem iria passar o texto para o Magalhães. Depois de tudo, corrigimos o texto final e fomos a votos para saber que texto iríamos escolher. Então escolhemos o texto ”O lixo na floresta”, esse texto foi escrito pela Ângela, pelo Pedro, pela Juliana e pelo Tiago. Ainda vamos ter de fazer audições para saber o aluno mais indicado para cada a personagem. Isto dá muito trabalho, demoramos 2 semanas, mas valeu a pena, vai ser uma peça de teatro muito divertida.
O lixo na floresta
Cena 1
Cegonha – (muito alegre) Que linda floresta! Parece mágica! Raposa – (a sorrir) É verdade! Cegonha – Que flores coloridas! As árvores têm as folhas tão verdinhas! Raposa – Nesta floresta vive-se bem. Tem muitos alimentos para nós comermos. Cegonha – (muito entusiasmada) Eu adoro viver nesta floresta, é maravilhosa! Raposa – Olha, vou ter que ir embora, vou caçar para os meus filhotes comerem. Cegonha – Eu também vou, tenho que acabar de fazer o meu ninho porque os meus filhotes vão nascer.
Cena 2
(Aparece muito lixo na floresta) Veado – (salta pela floresta muito contente) Está um sol maravilhoso! (parou de repente, espantado) O que se passou aqui? Elefante – A floresta está toda suja! Veio um camião e despejou o lixo aqui. Vou ter de chamar outro amigo para nos ajudar a limpar esta porcaria, não achas veado? Veado – Claro que sim. Podíamos chamar o esquilo. Ele é muito rápido e tem os dentes grandes, é bom para apanhar o lixo. Elefante – Sim. Será uma boa ajuda. Os dois – (chamando) Esquilo, Esquilo. Esquilo – (aparece a correr e assustado) O que é que foi? Veado e Elefante – A floresta está cheia de lixo. É horrível! Esquilo – O quê? Nós vivemos aqui e acontece isto? Assim vamos ficar doentes! Elefante – Não te preocupes! A floresta vai ficar limpa. Esquilo – Mas precisamos de mais ajuda. Só nós os três não conseguimos. Vamos chamar mais animais. Veado – Podemos chamar a cegonha porque tem um bico grande e a raposa que é muito astuta. Veado – (chamando) Cegonha! Raposa! Precisamos de vocês!
Cena 3
(Entram a cegonha e a raposa muito preocupadas) Cegonha e raposa – O que se passa? Porquê tanta urgência? Veado, esquilo e elefante – Precisamos de ajuda para limpar a floresta! Raposa – Porquê, o que se passou? Veado – A floresta está toda poluída. Alguém despejou aqui o lixo. Precisamos de ajuda para apanhar toda esta porcaria! Cegonha e raposa – Está bem. Vamos começar? Os cinco – Sim! Esquilo – (cansado) Falta só um pouco. Vamos despachar-nos! (Todos se empenharam e apanharam o lixo) Cegonha – (diz muito feliz) Conseguimos! Veado – Nós os cinco somos uma grande equipa! Raposa – Assim vale a pena viver neste sítio!
Turma C - 3.º Ano - EB1 Maria de Lurdes

2 comentários:

Amiguinhos disse...

Muitos parabéns. Sei que deu muito trabalho mas valeu a pena. Vai ser um sucesso na festa de final de ano.

Anónimo disse...

nao era este texto